lista alfabética
  busca
Enciclopédia Itaú Cultural de Artes Visuais
 
       
 
obras
biografia
histórico
acervos
textos críticos
depoimentos
fontes de pesquisa



  Exposições
individuais
coletivas
póstumas



  sugestões

  Amaral, Tarsila do (1886 - 1973)        

Nascimento/Morte

1886 - Capivari SP - 1 de setembro

1973 - São Paulo SP - 17 de janeiro

 

Vida Familiar

1926/1930 - Casa-se com Oswald de Andrade (1890 - 1954)

1933/1951 - Inicia romance com o escritor Luís Martins

 

Cronologia

Pintora, desenhista

 

1886/1898 - Cresce em fazendas nos dois municípios de Jundiaí e Capivari, no interior de São Paulo 

1898 - Muda-se para São Paulo

1901/1902 - Estuda no Colégio Sion

ca.1902 - Muda-se para Barcelona, Espanha, onde estuda no Colégio Sacré-Coeur. Faz suas primeiras experiências com pinturas, realizando cópias

1904 - Retorna ao Brasil e casa-se com André Teixeira Pinto, vive na Fazenda São Bernardo e em seguida na Fazenda Sertão, aonde nasce sua filha Dulce em 1906

1913 - Muda-se para São Paulo

1916 - Estuda escultura e modelagem com William Zadig (1884 - 1952) e Mantovani

1917 - Inicia estudo de desenho e pintura com Pedro Alexandrino (1856 - 1942)

1920 - Estuda com o pintor Georg Elpons (1865 - 1939)

1920 - Viaja para Paris, onde freqüenta a Académie Julian, faz cursos livres de desenho  e também estuda com Emile Renard (1850 - 1930)

1922 - Viaja a estudos para a Espanha e a Inglaterra 

1922 - Retorna ao Brasil e forma o Grupo dos Cinco, com Anita Malfatti (1889 - 1964), Mário de Andrade (1893 - 1945), Menotti del Picchia (1892 - 1988) e Oswald de Andrade

1922/1923 - Viaja a estudo para Portugal, Espanha e Itália, com Oswald de Andrade. Conhece Blaise Cendrars (1887 - 1961) que os apresenta a Brancusi, Jean Cocteau, Satie, Gauthier e Valery Larbaud

1923 - Em Paris, estuda com André Lhote (1885 - 1962), Fernand Léger (1881 - 1955) e Albert Gleizes (1881 - 1953)

1923 - Regressa ao Brasil

1924 - Inicia a pintura Pau-Brasil

1924 - Acompanha o poeta Blaise Cendrars, com Oswald de Andrade, Olívia Guedes Penteado, Mário de Andrade, Godofredo Silva Telles, René Thiollier e Oswald de Andrade Filho, em viagem às cidades históricas de Minas Gerais. Realiza uma série de trabalhos baseados em esboços feitos durante essa viagem

1924 - Com a revolução de 1924 refugia-se com a família na Fazenda Sertão

1924 - Ilustra Feuilles de Route - I. Le Formose, de Blaise Cendrars

1924/1925 - Viaja, para a Itália, com Oswald de Andrade

1925 - Ilustra Pau Brasil, livro de poemas de Oswald de Andrade

1925 - Ao regressar ao Brasil passa a funcionar o salão da casa na Rua Piracicaba, em São Paulo, onde Tarsila e Oswald recebem os modernistas

1926 - O casal viaja para preparar a exposição de Tarsila em Paris. Prosseguem a viagem pela Grécia, Turquia, Rodes, Cipres, Israel e Egito

1928 - Pinta Abaporu, tela que inspira o movimento que surge com a publicação do Manifesto Antropófago na Revista de Antropofagia, desencadeado por Oswald de Andrade e Raul Bopp

1929 -  Com o crise econômica de 1929 o casal perde a Fazenda Santa Tereza do Alto, que ficará hipotecada até 1937

1930 - Obtém seu primeiro emprego como diretora da Pinacoteca do Estado de São Paulo - Pesp, deixando o cargo com a mudança de governo

1931 - Visita a União Soviética, com Osório César, e permanece alguns meses em Paris

1932 - De volta ao Brasil, Tarsila é presa, em São Paulo, por aproximadamente um mês, por suas posições políticas e pela viagem à União Soviética

1932/1934 - Participa da Sociedade Pró - Arte Moderna - SPAM

1933 - Começa uma fase voltada para temas sociais com as obras Operários e 2ª Classe

1933 - Realiza viagem com Osório Cesar para participar de congresso político em Montevidéu

1934 - Inicia atividade na imprensa jornalística

1935 - Muda-se para o Rio de Janeiro

1936 - Inicia a publicação de artigos no Diário de S. Paulo também publicadas em O Jornal do Rio de Janeiro

1938/1973 - Volta a viver em São Paulo, alternando sua vida entre a fazenda em Capivari e São Paulo

1940 - A Revista Acadêmica dedica número especial em sua homenagem

1940/1944 - Faz ilustrações para a série Os Mestres do Pensamento, dirigida por José Perez

1944 - Belo Horizonte e Ouro Preto MG - Viaja por Belo Horizonte e Ouro Preto, Minas Gerais, em companhia de Alfredo Volpi (1896 - 1988), Mario Schenberg, Oswald de Andrade e outros

1945 - Realiza uma série de gravuras para o livro Poesias Reunidas de O. Andrade, a pedido do autor, Oswald de Andrade

1947/1948 - Faz ilustrações especialmente retratos de grandes personalidades para o jornal O Estado de S. Paulo

1952 - Prêmio 1952 de Artes Plásticas da Municipalidade de São Paulo, organizado pelo Jornal de Letras

1954 - Realiza o painel Procissão do Santíssimo, para o Pavilhão de História do Parque do Ibirapuera, a convite da Comissão do 4º Centenário de São Paulo

1956 - Realiza painel Batizado de Macunaíma sobre a obra de Mário de Andrade para a Livraria Martins Editora

1961 - Vende sua fazenda e instala-se definitivamente em São Paulo

1970 - Premiada com o Golfinho de Ouro, melhor exposição de 1969



Atualizado em 09/04/2013
 
 
Veja nas
Enciclopédias
 
  artes visuais - termos e conceitos
  Arte Moderna
Cubismo

 
  literatura - nomes
  Andrade, Mário de (1893 - 1945)
Andrade, Oswald de (1890 - 1954)
Bopp, Raul (1898 - 1984)
Del Picchia, Menotti (1892 - 1988)
Milliet, Sérgio (1898 - 1966)

 

 
Veja na Web
 
  Tarsila do Amaral

Percurso Educativo - Modernismo Passo a Passo