logo
nomes vida literária termos e conceitos vídeos obras busca
 
  lista alfabética
busca
       
  biografia
  cronologia
  bibliografia

  primeiras edições
  traduções e edições estrangeiras

 
obras

  sugestões
 
Barros, Manoel de (1916)

Biografia
Manoel Wenceslau Leite de Barros (Cuiabá MT 1916). Poeta. Filho do capataz João Wenceslau Leite de Barros e da dona-de-casa Alice Pompeu de Barros. Passa parte da infância em Corumbá, Mato Grosso do Sul, no Pantanal Mato-Grossense, fato que marca toda sua obra poética. Com 8 anos vai estudar em colégios internos de Campo Grande e depois no Rio de Janeiro. Entre 1935 e 1937 atua como membro da Juventude Comunista, mas abandona o partido, decepcionado com o líder Luís Carlos Prestes (1898 - 1990). Em 1937, estréia com o livro Poemas Concebidos sem Pecado, edição artesanal de 21 exemplares confeccionada por amigos, e desde então passa a publicar com regularidade. Após formar-se em Direito no Rio de Janeiro, volta para Corumbá, em 1941. Estuda cinema e pintura no Museum of Modern Art [Museu de Arte Moderna de Nova York] - MoMA em 1947. Em 1960, fixa-se em Campo Grande, tornando-se criador de gado. A partir da década de 1980, espontaneamente, alguns intelectuais do Rio e de São Paulo passam a divulgar sua obra e a Editora Civilização Brasileira publica Gramática Expositiva do Chão, reunião de quase todos os livros anteriores do poeta, o que faz dele um poeta nacionalmente conhecido.



Atualizado em 30/06/2011
 
 
Veja na Web
 
  Barros, Manoel de - entrevista - Para Fabrício Carpinejar (Digestivo Cultural. Seção Colunas, agosto 2006)

Barros, Manoel de - entrevista - Para Bosco Martins e Douglas Diegues (Cronópios-Literatura e Arte no Plural. Seção Artigos, dezembro 2006)