Além da Agenda

Morre o designer Sérgio Rodrigues

1 de setembro de 2014

O design perdeu na manhã desta segunda-feira, 1º de setembro, Sérgio Rodrigues, que morreu em casa, no Rio de Janeiro, aos 86 anos. A família ainda não deu detalhes, mas o arquiteto e designer carioca deve ser cremado nesta quarta-feira, dia 3.

Um dos mais importantes nomes do design de móveis do século XX, Sérgio Rodrigues tem como obra mais importante a Poltrona Mole, de 1957.

Considerado o “inventor do móvel brasileiro”, Sérgio Rodrigues começou como arquiteto, trabalhando no projeto do Centro Cívico de Curitiba – obra importante da história da moderna arquitetura brasileira. Mas foi através do seu mobiliário, bastante utilizado na construção de Brasília, por exemplo, que ele se tornou conhecido mundialmente.

Em 2013, foi aprovado o projeto de preservação do acervo de Sérgio Rodrigues, o qual contempla organização, catalogação, conservação, digitalização e criação de banco de dados para o acervo documental e iconográfico do arquiteto e designer. O Banco Itaú, com apoio do Itaú Cultural, é o patrocinador master do projeto.

Saiba mais sobre Sérgio Rodrigues na Enciclopédia Itaú Cultural.

 

Comentários