960x80_falacomarte

“Foi um dos melhores shows da minha carreira”, diz Pélico sobre apresentação no Auditório Ibirapuera

6 de novembro de 2015

No dia 2 de outubro, Pélico lançou seu terceiro disco, Euforia, no palco do Auditório Ibirapuera.

Neste bate-papo com o Fala com Arte, o músico contou como foi o show e quais os planos mais imediatos, ainda no processo de divulgação do novo álbum.

 

Foi a primeira vez que você se apresentou no Auditório? Como é se apresentar lá?

Em 2011 eu participei de dois shows no Auditório: Danado de Bom –100 Anos de Luiz Gonzaga e Minimecenas. Agora, foi a primeira vez que levei o meu show ao Auditório. Com toda certeza, foi um dos melhores shows da minha carreira. O Auditório tem uma energia única, contagia a todos e somos tomados de forma tão mágica! Fora toda a estrutura técnica, que é incrível.

Qual a principal lembrança que você vai guardar do show?

O momento que mais me marcou foi quando o fundo do palco foi aberto e a plateia pôde ver o parque como cenário do show. O público aplaudiu por alguns minutos, aí pensei: tá rolando algo muito especial entre a gente.

Como foi a participação do Marcelo Jeneci?

Há um tempão que a gente queria cantar junto, e não poderia ter sido melhor, num dos palcos mais bonitos de São Paulo. A gente descobriu ali que tem muita afinidade, musical e pessoal.

Vocês pretendem repetir a parceria?

Lógico! Com o Marcelo Jeneci e, sempre que surgir uma oportunidade, com outros artistas também. É muito interessante a troca, amplifica nossa arte.

Você falou que ia tocar uma música surpresa com o Jeneci. Para quem não estava lá: qual foi?

Foi a música “Meu Mundo e Nada Mais”, do Guilherme Arantes.

Você fica nervoso antes dos shows?

Sim. O palco é entrega e sempre que pisamos nele a mágica acontece. Mas acredito que o nervosismo vem muito por causa da preocupação, de tudo sair bem. Para fazer um show, muitos elementos são necessários, muitas pessoas fazem parte do processo, o que facilita muito, tornando o show real.

Quando vai ser o próximo show?

No dia 21 de novembro, no Teatro Paiol, em Curitiba (PR).

Pélico lançou o terceiro disco da carreira, Euforia

Pélico lançou o terceiro disco da carreira, Euforia

Comentários


veja também

Rádio

Ritchie & Blacktie no Auditório Ibirapuera

O cantor e compositor inglês Ritchie e o grupo Blacktie – formado por Fabio Tagliaferri (viola de arco e ukulele-tenor), [+]

Rádio

Breno Ruiz no Auditório Ibirapuera

O pianista, compositor e cantor Breno Ruiz subiu ao palco do Auditório Ibirapuera, acompanhado pelos músicos Igor Pimenta (baixo acústico) [+]

Vídeo

Uma breve história do samba – Ocupação Cartola (2016)

Nilcemar Nogueira, neta de Cartola e Dona Zica, faz um breve histórico do samba. Relaciona a especulação imobiliária e a [+]