Vídeo / Yasmin Thayná - Diálogos Ausentes (2016)

Busca

A cineasta Yasmin Thayná fala sobre o Afroflix, plataforma que criou como forma de fazer um levantamento da produção audiovisual negra no Brasil, além de ser uma ferramenta de circulação dessas obras. Ela comenta a produção do seu curta-metragem Kbela e o assalto que acabou gerando um novo filme. Também discute o problema de não haver cineastas negras e negros reconhecidos do público e da falta de nomes em listas de melhores filmes brasileiros. Por fim, fala sobre a importância de expandir as pautas políticas para que questões de raça e gênero sejam cada vez mais incorporadas aos discursos, com o objetivo de dar voz a toda a população.

Durante o ano de 2016, o Itaú Cultural realizou o evento mensal Diálogos Ausentes, sobre a presença e a obra de artistas negros em diversas áreas de expressão da cultura e da arte brasileiras.

Depoimento gravado em outubro de 2016 na sede do instituto, em São Paulo/SP.

Veja mais vídeos da série Diálogos Ausentes aqui.

Créditos
Presidente: Milú Villela
Diretor-superintendente: Eduardo Saron
Superintendente administrativo: Sérgio Miyazaki
Gerente do Núcleo de Audiovisual e Literatura: Claudiney Ferreira
Coordenadora de conteúdo audiovisual: Kety Fernandes Nassar
Produção audiovisual: Camila Fink
Entrevista e roteiro: Gabriel Carneiro (terceirizado)
Captação e edição: Belluah Produções

Assuntos: