Participante da Belair - produtora dos sócios Rogério Sganzerla e Júlio Bressane -, foi também assistente e técnico de som em Sem Essa, Aranha (1970), Copacabana, Mon Amour (1970) e Signo do Caos (2003). | Depoimento extraído de Elogio da Luz (2003), feito para o Canal Brasil.

Criado para fomentar o diálogo da nova geração de artistas com os criadores que os influenciaram, o projeto Ocupação integra uma das políticas permanentes do Instituto, que é a preservação da memória artística.

Visite o site do programa