Hildegard Angel, curadora, jornalista, fundadora do IZA e filha de Zuzu Angel, fala sobre as mensagens que Zuzu pretendia passar em sua obra e o papel das forças armadas no seu trabalho. Conta também sobre algumas ameaças que Zuzu sofreu diretamente.

Depoimento gravado para a Ocupação Zuzu, em março de 2014, no Rio de Janeiro/RJ.

A Ocupação Zuzu, em cartaz até dia 11 de maio, no Itaú Cultural, em São Paulo/SP, traz à tona a multiplicidade de sua obra e a legitimidade de sua luta contra a repressão da ditadura brasileira, que em 1971 prendeu e matou seu filho de 26 anos, Stuart Angel.

Créditos:
Gerente do Núcleo de Audiovisual e Literatura: Claudiney Ferreira
Coordenação de Conteúdo Audiovisual: Kety Fernandes
Entrevista: Maria Clara Matos
Produção Audiovisual: Jahitza Balaniuk
Vídeo: André Seiti
Edição: Rodrigo Lorenzetti

Parte 1
Parte 2
Parte 3
Parte 4
Parte 5
Parte 6
Parte 7
Parte 8
Parte 9

Saiba mais sobre a Ocupação Zuzu.