Informações


Itaú Cultural

Endereço

Avenida Paulista 149 São Paulo SP
CEP: 01311 000 [Estação Brigadeiro do metrô]

Contatos e Informações Extras

fone 11 2168 1777 fax 11 2168 1775

O relacionamento de um casal é também uma conversa sobre ideias. Em 20 e 27 de abril, às 20h, o Itaú Cultural convida dois casais de escritores e pesquisadores – Noemi Jaffe e João Bandeira, Eliane Robert Moraes e Fernando Paixão – para conversar, na nossa sede, em São Paulo, sobre as afinidades das suas reflexões.

No dia 20, na mesa Experiência e Experimento, Noemi e João, ambos escritores, se propõem a falar sobre literatura e experiência – entendendo essa palavra de pelo menos duas maneiras: primeiro, aquilo que acumulamos com o tempo, com as memórias, com o aprendizado; segundo, a situação de enfrentar o desconhecido, a experimentação. Para eles, a literatura compartilha os dois significados: é tanto sobre o que se escreve quanto como se escreve.

Já os pesquisadores Eliane e Fernando, em Formas do Corpo na Poesia, no dia 27, analisam em poemas de autores brasileiros e portugueses do século XX os modos como é retratado o corpo, como se abordam seus aspectos particulares e quais são as diferenças de tratamento nas líricas amorosa e erótica, entre outras questões. O casal divide a discussão dos dois conceitos principais da mesa: ele fala do corpo velado, escondido; ela, do corpo desvelado, visível.

Na aba Programação, acesse outras informações, como a minibiografia dos convidados. Na aba Vídeos, veja outros momentos em que eles participaram dos nossos eventos.

Literatura de Par em Par
quartas 20 e 27 de abril de 2016

[duração aproximada: 90 minutos]
Sala Itaú Cultural (piso térreo) – 247 lugares
[classificação indicativa: 14 anos]

Entrada gratuita – ingressos distribuídos com meia hora de antecedência

20/04/2016 Quarta-feira - 20h

Experiência e Experimento

A literatura não é só um conjunto de temas, mas também as maneiras pelas quais eles são vivenciados e, então, escritos. Os escritores Noemi Jaffe e João Bandeira, que atuam ainda em outras áreas do conhecimento, falam sobre os sentidos da experiência e dos modos de encarar as nossas vivências passadas ou presentes.

duração aproximada: 90 minutos]

Sala Itaú Cultural (piso térreo) – 247 lugares

[classificação indicativa: 14 anos]

João Bandeira

João Bandeira é mestre em literatura brasileira, poeta, crítico e curador de artes visuais no Centro Universitário Maria Antonia, equipamento da Universidade de São Paulo (USP). Publicou Princípio da Poesia (1991), Dial (1995), Rente (1997) e Quem Quando Queira (2015). Foi curador de exposições sobre Nuno Ramos e Cildo Meireles – entre outras mostras –, traduziu poemas de Joan Brossa e organizou as coletâneas 40 Escritos (2000) e Outros 40 (2014), de Arnaldo Antunes, com quem participou do grupo Poemix em espetáculos multimídia.

Noemi Jaffe

Noemi Jaffe é doutora em literatura brasileira, escritora e crítica literária. Publicou, entre outras obras, Todas as Coisas Pequenas (2005); O que os Cegos Estão Sonhando? (2012); A Verdadeira História do Alfabeto (2012), vencedor do Prêmio Bienal de Brasília; Irisz: as Orquídeas (2015); e Livro dos Começos (2015). É professora de escrita criativa na Casa do Saber e crítica dos jornais Valor Econômico e Folha de S.Paulo.

27/04/2016 Quarta-feira - 20h

Formas do Corpo na Poesia

Eliane Robert Moraes e Fernando Paixão, ambos pesquisadores, dialogam a respeito do corpo na literatura, abordando escritores brasileiros e portugueses do século XX, autores de lírica amorosa e de poesia erótica.



duração aproximada: 90 minutos]

Sala Itaú Cultural (piso térreo) – 247 lugares

[classificação indicativa: 14 anos]

Eliane Robert Moraes

Eliane Robert Moraes é professora de literatura brasileira na Universidade de São Paulo (USP) e pesquisadora do imaginário erótico nas artes e na literatura. É autora dos livros O Corpo Impossível – a Decomposição da Figura Humana, de Lautréamont a Bataille (2002), Lições de Sade – Ensaios sobre a Imaginação Libertina (2006) e Perversos, Amantes e Outros Trágicos (2013). Além disso, traduziu História do Olho (2003), do escritor francês Georges Bataille, e é organizadora da Antologia da Poesia Erótica Brasileira (2015).

Fernando Paixão

Fernando Paixão é professor de literatura na Universidade de São Paulo (USP). Como editor, trabalhou na Editora Ática e organizou a obra Momentos do Livro no Brasil (1995), ganhador do Prêmio Jabuti. Publicou livros ensaísticos: Narciso em Sacrifício (2003), a respeito da obra poética do escritor português Mário de Sá-Carneiro; e Arte da Pequena Reflexão (2014), dedicado ao poema em prosa. Atua também como poeta – seu livro mais recente é Porcelana Invisível (2015).

No jornalário - Ocupação Haroldo de Campos (2011)

Noemi Jaffe - Encontros de Interrogação (2012)

Poemix BR - Jogo de Ideias (2005) - trecho