1. Boris Schnaiderman - Ocupação Paulo Leminski (2009) - Parte 1/3
  2. Boris Schnaiderman - Ocupação Paulo Leminski (2009) - Parte 2/3
  3. Boris Schnaiderman - Ocupação Paulo Leminski (2009) - Parte 3/3

Um dos pioneiros na tradução da literatura russa no Brasil, o escritor, professor e ensaísta Boris Schnaiderman morreu na noite dessa quarta-feira, 18 de maio, em decorrência de uma pneumonia. Diferentemente do que tem sido divulgado, ele faleceu aos 100 anos, recém-completados (nasceu em 17 de maio de 1916, conforme informação em sua documentação). O velório acontece até as 14h de hoje, 19 de maio, no Centro Universitário Maria Antonia, em São Paulo (SP).

Nascido na Ucrânia e naturalizado brasileiro, traduziu mais de 20 clássicos da literatura russa, incluindo textos de Fiodor Dostoievski, Lev Tolstoi e Aleksandr Puchkin.

Os vídeos desta playlist se referem ao depoimento que ele concedeu à Ocupação Paulo Leminski, em 2009, a respeito do poeta e de sua obra.

Também para o Itaú Cultural, Schnaiderman concedeu depoimento sobre sua trajetória para o programa de rádio Inventário – Literatura em Primeira Pessoa, que pode ser ouvido neste link.

Leia mais sobre Boris Schnaiderman na Enciclopédia Itaú Cultural: link.

Para ouvir outros programas da série Inventário – Literatura em Primeira Pessoa: link.