Lucia Murat, cineasta, fala sobre as divisões estratégicas de uma organização revolucionária que fez parte na década de 60, formada basicamente pelo movimento estudantil e que que buscava uma sociedade que, hoje, ela reconhece ser utópica.

Ela também comenta sobre sua relação com Alex Polari, que escreveu da prisão uma carta para Zuzu Angel, narrando com detalhes o assassinato de Stuart Angel. Esta carta foi entregue a Zuzu pessoalmente por Lucia.

Depoimento gravado para a Ocupação Zuzu, em março de 2014, em São Paulo/ SP.

A Ocupação Zuzu apresenta ao público a multiplicidade de sua obra e a legitimidade de sua luta contra a repressão da ditadura brasileira, que em 1971 prendeu e matou seu filho de 26 anos, Stuart Angel.

Com curadoria de Hildegard Angel, filha mais nova da estilista, do Itaú Cultural e de Valdy Lopes Jn, que também assina a cenografia da exposição, a Ocupação Zuzu fica em cartaz entre 1º de abril e 11 de maio de 2014, no Itaú Cultural.

Créditos:
Gerente do Núcleo de Audiovisual e Literatura: Claudiney Ferreira
Coordenação de Conteúdo Audiovisual: Kety Fernandes
Entrevista: Maria Clara Matos
Produção Audiovisual: Jahitza Balaniuk
Vídeo: André Seiti
Edição: Rodrigo Lorenzetti

Parte 1
Parte 2

Saiba mais sobre a Ocupação Zuzu.