1. Anna Muylaert – Encontros de Cinema (2015)
  2. Keka Reis – Encontros de Cinema (2015)
  3. Tatiana Nequete – Encontros de Cinema (2015)
  4. Índigo – Encontros de Cinema (2015)
  5. Juliana Rojas – Encontros de Cinema (2015)

Anna Muylaert, Keka Reis, Tatiana Nequete, Índigo e Juliana Rojas falam sobre seus processos de criação e atuação no cinema.

Lançado em 2015, o filme Que Horas Ela Volta?, de Anna Muylaert, colocou a roteirista e diretora em evidência. Ela conta sobre o processo de escrita do roteiro, que foi continuamente retrabalhado desde 1996. Comenta ainda as principais diferenças entre escrever sob encomenda e criar roteiros autorais. A roteirista Keka Reis fala sobre a importância do roteirista freelancer saber organizar seu tempo de trabalho, caso tenha interesse em ter um projeto autoral.

A cineasta Juliana Rojas fala sobre o início de sua formação em cinema, a atração por universos temáticos, como o gênero fantástico e o cinema de horror, seus métodos para escrita de roteiro e as técnicas para direção. Para a roteirista Tatiana Nequete o trabalho do criador dialoga com o universo ao qual ele pertence. Ela diz que, mesmo em projetos sob encomenda, é possível incluir traços das vivências pessoais.

Por fim, a escritora, jornalista e roteirista Índigo comenta sua experiência mais recente em roteiro, com a adaptação de um livro seu: Como Casar com André Martins.

Depoimentos gravados em setembro de 2015, no Itaú Cultural, em São Paulo/SP.