Com a conclusão da primeira etapa de votação do Oceanos – Prêmio de Literatura em Língua Portuguesa, o Júri de Avaliação, composto por 3 jurados angolanos, 50 brasileiros, 3 moçambicanos e 9 portugueses, elegeu 51 obras para a etapa intermediária: 31 de autores brasileiros, 19 de portugueses e uma de escritor angolano.

O regulamento prevê uma lista de 50 semifinalistas, mas empates nas últimas colocações determinaram a inclusão de mais um livro, totalizando 51 títulos.

A lista de semifinalistas apresenta um número significativo de autores cuja difusão passa a se dar, a partir de agora, para além de seus países de origem, mostrando a importância do Oceanos na integração da literatura entre os países lusófonos. 21 dos livros classificados são de autoria de escritores brasileiros que nunca foram publicados em Portugal, enquanto 11 são de autoria de escritores portugueses que nunca foram publicados no Brasil.

Entre as obras classificadas, apenas dois livros tiveram publicação tanto no Brasil quanto em Portugal em 2016.

A lista inclui, ainda, nove obras que representam a estreia literária em livro de seus respectivos autores, todos eles brasileiros. Este resultado, reitera o papel dos prêmios literários em geral e do Oceanos em particular como radar da produção literária em seus diferentes gêneros.

 

Veja aqui os 51 livros semifinalistas

Clique aqui para baixar a lista de livros semifinalistas 


O Júri de Avaliação do Oceanos, além de eleger os semifinalistas, escolheu também 10 jurados entre seus membros para integrar o Júri Intermediário, que em outubro escolherá as 10 obras finalistas, e o Júri Final, que em dezembro vai determinar os 4 vencedores do Oceanos 2017.


Veja aqui os componentes dos Júris Intermediário e Final

Clique aqui para baixar a lista de jurados e suas biografias