eventos

Mostra Rumos Teatro

Vida com Companhia Brasileira de Teatro (Foto: Elenize Dezgeniski/Itaú Cultural)

Durante seis dias – entre 17 e 22 de setembro – dez companhias se apresentam e o público terá a oportunidade de assistir, além de dez peças, a quatro documentários produzidos na Semana Rumos Teatro de 2011. O evento marca o lançamento de Encontros, publicação que concentra as pesquisas e discussões relacionadas ao programa Rumos Itaú Cultural Teatro 2010/2012.

O Rumos Teatro teve início em 2010 e seu edital abriu inscrições para projetos compartilhados entre dois grupos que tivessem uma questão comum de estudo para desenvolver – fosse de prática artística, fosse de prática pedagógica, de reflexão teórica etc. Foram selecionados 24 companhias que compartilharam conhecimentos entre si e com o público na Semana Rumos Teatro 2011.

Para dar continuidade ao processo e comemorar a finalização do ciclo do programa foram convidados cinco grupos contemplados pelo Rumos Teatro: Companhia Brasileira de Teatro, Os Fofos Encenam, Lume Teatro, Clowns de Shakespeare e Espanca!. Essas companhias, como anfitriãs, convidaram outros cinco grupos e assim, a cada noite, temos um novo encontro aberto e com a exibição de um documentário da série Rumos Teatro.

programação

terça 17 a domingo 22 setembro de 2013
[distribuição de ingressos 30 minutos antes do início do evento]

  • 17
    • /Vida com Companhia Brasileira de Teatro

      Terça-Feira - 20:00

      duração: 1h55min
      Sala Itaú Cultural 190 lugares
      [indicado para maiores de 14 anos]

      Exilados numa cidade imaginária, dois homens e duas mulheres fazem parte de uma banda que ensaia para uma apresentação comemorativa do jubileu da cidade. Fechados numa sala vazia, eles convivem entre si e revelam comportamentos, relações, conflitos e histórias. Erupções de suas vidas prosaicas, repletas de humor, sensibilidade e um sentido de transformação.

    • Participantes

      • Companhia Brasileira de Teatro (PR)

        Foi criada por Marcio Abreu, em 1999, na cidade de Curitiba. O trabalho desenvolvido, em conjunto com Giovana Soar, Nadja Naira e Cássia Damasceno, é voltado para a pesquisa teatral, a criação de espetáculos e a formação de público. Entre os principais trabalhos da companhia estão Volta ao Dia… (2002), O Empresário (2004) e A Viagem (2009).

  • 18
    • /exibição da 1ª parte do Documentário Rumos Itaú Cultural Teatro 2010/2012

      Quarta-Feira - 19:00

      duração: 30 min
      Sala Vermelha 70 lugares
      [indicado para todas as idades]
      Subdividido em quatro partes de 27 minutos cada uma, o videodocumentário da primeira edição do programa Rumos Itaú Cultural Teatro 2010/2012 foi gravado durante o encontro de todos os participantes na sede do Itaú Cultural, em São Paulo. O documentário reúne excertos das apresentações das 12 pesquisas desenvolvidas e entrevistas com representantes dos 24 grupos de teatro envolvi¬dos, entre curadores, pesquisadores e a gerente do Núcleo de Artes Cênicas do Itaú Cultural, Sonia Sobral. Grupos exibidos: Espanca! + Cia Brasileira de Teatro + Teatro Experimental de Alta Floresta + Celeiro das Antas + Bagaceira + Angu.

  • 18
    • /Vida com Companhia Brasileira de Teatro

      Quarta-Feira - 20:00

      duração: 1h55min
      Sala Itaú Cultural 100 lugares
      [indicado para maiores de 14 anos]

      na sequência
      Vazio É o que Não Falta, Miranda com Teatro Inominável
      duração: entre 60 e 80 min
      Sala Itaú Cultural 100 lugares
      [indicado para maiores de 16 anos]

      Quatro atrizes e um diretor tentam encenar a obra Esperando Godot, de Samuel Beckett, sem sucesso.

    • Participantes

      • Teatro Inominável (RJ)

        Foi criado em 2008, no Rio de Janeiro, como resultado do encontro entre Adassa Martins, Caroline Helena, Diogo Liberano, Flávia Naves e Natássia Vello, artistas com graduação em artes cênicas. Em suas criações, a companhia sempre prioriza as questões do “agora” e também do “aqui”, numa busca constante por diálogo com a cidade do Rio de Janeiro e, por extensão, com o Brasil.

  • 19
    • /exibição da 2ª parte do Documentário Rumos Itaú Cultural Teatro 2010/2012

      Quinta-Feira - 19:00

      duração: 30 min
      Sala Vermelha 70 lugares
      [indicado para todas as idades]
      Subdividido em quatro partes, de 27 minutos cada uma, o videodocumentário da primeira edição do programa Rumos Itaú Cultural Teatro 2010/2012 foi gravado durante o encontro de todos os participantes na sede do Itaú Cultural, em São Paulo. O documentário reúne excertos das apresentações das 12 pesquisas desenvolvidas e entrevistas com representantes dos 24 grupos de teatro envolvidos, entre curadores, pesquisadores e a gerente do Núcleo de Artes Cênicas do Itaú Cultural, Sonia Sobral. Grupos exibidos: Irmãos Guimarães + ciateatroautônomo, PeQuod + Caixa do Elefante, Teatro do Concreto + Magiluth.

  • 19
    • /Antes do Enterro do Anão com Os Fofos Encenam

      Quinta-Feira - 20:00

      duração: 45 min
      Sala Itaú Cultural 70 lugares
      [indicado para maiores de 14 anos]

      Durante uma apresentação, o anão proprietário de um circo é misteriosamente assassinado com um tiro diante da plateia, em pleno picadeiro. Utilizando-se do recurso de flashback, o espetáculo mostra os momentos que antecedem o crime, revelando o cotidiano daquela família circense e as possíveis razões que cada artista teria para assassinar o anão.

      A formação de Os Fofos Encenam (SP) aconteceu em 1992, no curso de artes cênicas da Unicamp, Campinas. Em 2006, o grupo encenou seu primeiro drama, Ferro em Brasa. Em 2009, estreou o espetáculo Memória da Cana, inspirado em Álbum de Família, de Nelson Rodrigues, com adaptação e direção de Newton Moreno, recebendo o Prêmio APCA de Melhor Espetáculo, o Prêmio Cooperativa Paulista de Teatro, nas categorias Direção e Projeto Visual, e o Prêmio Shell nas categorias Direção e Cenário.

      na sequência
      A Academia de Palhaços se Apresenta com Academia de Palhaços
      duração: 80 min
      Sala Itaú Cultural 70 lugares
      [indicado para todas as idades]
      Capuleto, Chucrute, Lino, Maria Eugênia e Maritaca vão tirar a plateia do sério. De esposa sonâmbula a espelho quebrado, esses palhaços vão viver histórias para lá de engraçadas. E, quando você pensa que isso é tudo, olha para cima e vê uma banda ao vivo pronta para aumentar a balbúrdia.

    • Participantes

      • A Academia de Palhaços (SP)

        Surgiu em 2007, quando os atores se encontraram no curso de artes cênicas da Unicamp e resolveram se aprofundar na linguagem do palhaço de picadeiro. Em 2008, o grupo criou A Academia de Palhaços se Apresenta, espetáculo baseado em números da tradição circense. Nessa época, a peça foi orientada por Luís Monteiro e viveu sua primeira fase. Finalmente, em março de 2013, estreou a segunda versão do espetáculo, com direção de Fernando Neves. A montagem traz ao palco toda a alegria e a atmosfera do circo com os cinco palhaços da trupe. Atualmente, a compa¬nhia está tocando um novo projeto. Trata-se de uma kombi-palco capaz de levar cinco espetáculos e toda a estrutura necessária para lugares diferentes. Formando um repertório de cinco peças, a ideia é apresentar um espetáculo por dia, sendo uma revista, um drama bíblico, um melodrama, uma pantomima e uma comédia.

  • 20
    • /exibição da 3ª parte do Documentário Rumos Itaú Cultural Teatro 2010/2012

      Sexta-Feira - 19:00

      duração: 30 min
      Sala Vermelha 70 lugares
      [indicado para todas as idades]
      Subdividido em quatro partes, de 27 minutos cada uma, o videodocumentário da primeira edição do programa Rumos Itaú Cultural Teatro 2010/2012 foi gravado durante o encontro de todos os participantes na sede do Itaú Cultural, em São Paulo. O documentário reúne excertos das apresentações das 12 pesquisas desenvolvidas e entrevistas com representantes dos 24 grupos de teatro envolvidos, entre curadores, pesquisadores e a gerente do Núcleo de Artes Cênicas do Itaú Cultural, Sonia Sobral. Grupos exibidos: Ói Nóis Aqui Traveiz + Clowns de Shakespeare + Os Fofos Encenam + Cia. dos Atores + OPOVOEMPÉ + Lume.

  • 20
    • /Cravo, Lírio e Rosa com Lume Teatro

      Sexta-Feira - 20:00

      duração: 90 min
      Sala Itaú Cultural 70 lugares
      [indicado para todas as idades]
      Os palhaços Carolino e Teotônio chegam com suas malas. Dois grandes patetas que, como lados de uma mesma moeda, se completam e se opõem, compondo um entrelaçar de situações ridículas e delicadas dentro de um universo de objetos lúdicos. Com seus jogos e gags, danças e duelos que destilam uma afeição subliminar, a inseparável dupla toca profundamente o espectador. Construído a partir da interação da clássica dupla de palhaços – conhecida como O Branco e O Augusto e imortalizada pela famosa dupla do cinema O Gordo e O Magro –, o espetáculo utiliza as relações humanas como matéria-prima, especialmente a relação dos palhaços com a plateia, elemento sem o qual as brincadeiras não poderiam acontecer.

      na sequência
      O Imprevisível Circo da Lua com ParaladosanjoS
      duração: 50 min
      Sala Itaú Cultural 70 lugares
      [indicado para todas as idades]
      Um freak show que conta com a participação de personagens bizarros, curiosos e, no mínimo, magnetizantes. Inspirada pelo ilusionista e cineasta George Me¬lies, a obra apresenta em um picadeiro fantástico e neogótico, gigantes lunares, irmãs siamesas, o homem sem cabeça, a mulher mais gorda do mundo, o lobisomem e imprevisibilidades para lá de astronômicas. Com dramaturgia altamente visual e trilha sonora original, esta história promete desvendar os mistérios e os segredos guardados sob uma lona estelar.

    • Participantes

      • Lume Teatro (SP)

        É um coletivo de pesquisa formado por sete atores-criadores e com repertório diversificado, que inclui teatro físico/visual, montagens em grupo, solos, clo¬wns, espetáculos de grandes dimensões ao ar livre e com a participação da comunidade. Ao longo de quase 30 anos, tornou-se conhecido em mais de 26 países, tendo atravessa¬
        do quatro continentes e desenvolvido parcerias especiais com mestres da cena artística mundial. Com sede no distrito de Barão Geraldo, em Campinas (SP), o grupo difunde sua arte e metodologia por meio de oficinas, demonstrações técnicas, intercâmbios de trabalho, trocas culturais, assessorias, reflexões teóricas e projetos itinerantes, que cele¬bram o teatro como a arte do encontro.

      • ParaladosanjoS (SP)

        foi fundada e coordenada por Marcos Becker e Marilia Ennes. Em 12 anos de existência a companhia já produziu e estreou mais de 16 espetáculos, sendo três em colaboração com Lume Teatro, Barracão Teatro e Clipa Theatre. A pesquisa do grupo está calcada nas bases do teatro físico e visual, utilizando-se ainda de danças verti¬cais e de acrobacias aéreas para compor a dramaturgia de cada obra.

  • 21
    • /exibição da 4ª parte do Documentário Rumos Itaú Cultural Teatro 2010/2012

      Sábado - 19:00

      duração: 30 min
      Sala Vermelha 70 lugares
      [indicado para maiores de 14 anos]
      Subdividido em quatro partes, de 27 minutos cada uma, o videodocumentário da primeira edição do programa Rumos Itaú Cultural Teatro 2010/2012 foi gravado durante o encontro de todos os participantes na sede do Itaú Cultural, em São Paulo. O documentário reúne excertos das apresentações das 12 pes¬quisas desenvolvidas e entrevistas com representantes dos 24 grupos de teatro envolvidos, entre curadores, pesquisadores e a gerente do Núcleo de Artes Cê¬nicas do Itaú Cultural, Sonia Sobral. Grupos exibidos: Núcleo Argonautas + Cia. Senhas + Erro Grupo + Cia. Silenciosa + Será o Benidito + O Imaginário.

  • 21
    • /Congresso Internacional do Medo com Espanca!

      Sábado - 20:00

      duração: 60 min
      Sala Itaú Cultural 70 lugares
      [indicado para maiores de 12 anos]
      Convidados vindos de lugares distantes do mundo integram este encontro inter¬nacional na tentativa de conceituar algumas questões que dizem respeito à huma¬nidade. A peça propõe que a peça propõe o encontro das similaridades através das diferenças e busca encontrar o grande tesouro do conhecimento humano, na ciência ou na simples contemplação da natureza. Entre as conclusões tiradas está a amedrontadora constatação de que somos efêmeros e provisórios. Espetáculo realizado por meio do II Projeto de Coprodução do Núcleo dos Festivais Internacionais de Artes Cênicas do Brasil.

      na sequência
      Cachorros Não Sabem Blefar com Cia. 5 Cabeças
      duração: 50 min
      Sala Itaú Cultural 70 lugares
      [indicado para maiores de 12 anos]
      O relógio insiste em marcar o mesmo horário: 9h15. O problema não são as pi¬lhas. Provavelmente está quebrado. Ou então se cansou. O que seria lastimável para um relógio.

    • Participantes

      • Espanca! (MG)

        Foi fundado em 2004, em Belo Horizonte. Com os espetáculos Por Elise, Amores Surdos, Congresso Internacional do Medo e Marcha para Zenturo, o grupo propôs uma avaliação ética e conceitual da arte contemporânea. Recebeu, entre outros, os prê¬mios Shell SP e APCA.

      • Cia. 5 Cabeças (MG)

        É composto de Carol Oliveira, Luisa Rosa, Mariana Câmara e Ronaldo Jannotti, que se graduaram em 2007 no curso de formação de atores do Cefar, Palácio das Artes, em Belo Horizonte. Saulo Salomão formou-se no Teatro Universitário da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), em 2005. Byron O’Neill, diretor e dramaturgo, é bacharel em artes cênicas pela UFMG, tendo concluído o curso em 2003.

  • 22
    • /Como a Gente Gosta com Grupo Maria Cutia de Teatro

      Domingo - 11:30

      duração: 60 min
      Sala Itaú Cultural 110 lugares
      [indicado para todas as idades]
      Espetáculo livremente inspirado em As You Like It, de William Shakespeare. Exilados pelo novo duque, Rosalinda e Orlando são obrigados a deixar a corte. Ela foge acompanhada da prima Célia. Para se proteger dos perigos da floresta, ambas se disfarçam: Célia de Aliena e Rosalinda de Ganimedes. Na floresta, Ganimedes brinca com seu enamorado Orlando, fazendo-o imaginar que ela (travestida de homem!) é sua amada, e lhe dá lições de como se curar da febre do amor. Rosalinda, no meio desse quiproquó de amores, tece sua trama para resolver toda a confusão dessa ciranda

    • Participantes

      • Grupo Maria Cutia de Teatro (MG)

        É uma companhia de teatro de rua que nasceu em Belo Horizonte, em 2006, e desde então edifica e apresenta seus espetáculos em praças, parques e ruas do Brasil e do exterior. Como frentes de pesquisa artística, o grupo tra¬balha com o diálogo entre a música e o teatro, numa investigação autoral que denomina
        música-em-cena. Em todos os seus espetáculos, a trilha é executada ao vivo pelos atores, sob a direção musical de Hugo Araújo, membro da companhia, em uma pesquisa que alia a dramaturgia à canção. Atualmente, o grupo tem três espetáculos em seu repertório, todos criados e executados no espaço cênico da rua.

  • 22
    • /Hamlet – um Relato Dramático Medieval com Clowns de Shakespeare

      Domingo - 16:00

      duração: 1h45m
      Sala Itaú Cultural 110 lugares
      [indicado para maiores de 14 anos]
      O espetáculo Hamlet – um Relato Dramático Medieval celebra o encontro dos Clowns de Shakespeare com Marcio Aurelio, um dos mais importantes direto¬res do teatro brasileiro contemporâneo. A encenação se baseia no princípio de que a peça, obra-prima da dramaturgia universal, consiste em uma poética da representação. Assim, utilizando os espelhamentos que Shakespeare propõe e o desequilíbrio de um mundo em transição – seja na Dinamarca representada na obra, seja no Brasil de hoje –, o espetáculo traz uma radicalização do uso das convenções teatrais e dos elementos que compõem a estrutura cênica.

    • Participantes

      • Clowns de Shakespeare (RN)

        Surgiram em 1993, na cidade de Natal, desenvolvendo um trabalho de investigação teatral baseado na construção da presença cênica e do esta¬do de jogo, da musicalidade do corpo e do teatro popular, sempre sob uma perspectiva colaborativa. Como o próprio nome revela, a principal linha de pesquisa do grupo é a obra de William Shakespeare.