eventos

One-Nine-Four-Seven

One-Nine-Four-Seven faz referência ao ano de nascimento de Endo (Foto: João Meirelles)

No mês de maio, Tadashi Endo, famoso bailarino de butô – modalidade de dança criada no Japão –, realiza três apresentações no Itaú Cultural. No dia 19, às 20h, o artista sobe ao palco para encenar o espetáculo One-Nine-Four-Seven, que tem como linha condutora a vida do próprio dançarino e cujo título faz referência ao ano de seu nascimento, 1947.

Endo toma suas vivências, sempre na fronteira entre Japão e Europa, como fonte propulsora para expressar o MA, elemento fundamental de seu estilo de dança, o Butoh-MA, e que pode ser definido como “o estar entre”. Na montagem, as experiências pessoais do bailarino também funcionam como ponto de partida para a reflexão de temáticas mais abstratas. Com a dança, ele fala sobre o fortalecimento de suas raízes japonesas apesar da distância e do desenvolvimento do espírito através dos descendentes, até chegar a questões como as infinitas transformações e metamorfoses da vida, o fluxo contínuo entre passado, presente e futuro e a circulação da história universal.

Sobre o espetáculo, que tem músicas de Osamu Goto, Kronos-Quartett e Peter Tchaikovsky, Endo diz: “Quanto mais tempo vivo longe do meu país de origem, mais sinto minhas raízes. O Japão, sempre tão distante, ainda me conduz. Nos meus sonhos, estou falando com meu pai, que já está morto. Os sentimentos que meu pai me passou me mantêm vivo ainda – ‘reciclado’. Eu espero que minha alma seja reciclada nos meus filhos”. O bailarino realiza ainda mais duas apresentações no instituto: Fukushima Mon Amour, no dia 20, e MA, no dia 21.

One-Nine-Four-Seven
sexta 19 de maio de 2017
às 20h
[duração aproximada: 60 minutos]
Sala Itaú Cultural (piso térreo) – 224 lugares

Entrada gratuita

distribuição de ingressos
público preferencial: duas horas antes do espetáculo | com direito a um acompanhante
público não preferencial: uma hora antes do espetáculo | um ingresso por pessoa

[classificação indicativa: 10 anos]