A física mecânica aplicada aos movimentos do ator. A pesquisa sem resultados necessários. O tempo expandido. O corpo presente. A (re)ocupação dos espaços. As inquietações sociais e políticas. Essas são algumas das pistas para descobrir o experimentalismo do Teatro da Vertigem. Criado em 1991, com sede no Bixiga, em São Paulo/SP, realizou mais de 21 espetáculos em diversas cidades, explorando espaços não convencionais e levando o público a ser coator dos trabalhos.

Acumula dezenas de prêmios e segue experimentando sua história, protagonizada pela diretora Eliana Monteiro (São Paulo, 1965), pelo iluminador Guilherme Bonfanti (São Paulo, 1956) e pelo diretor e encenador Antônio Araújo (Minas Gerais, 1966), que concederam depoimentos para este vídeo destacando a questão do risco em seu trabalho.

O Prêmio Itaú Cultural 30 Anos faz parte das comemorações das três décadas do instituto. Reconhece dez pessoas ou coletivos que atuaram de forma relevante e sinérgica, intervindo significativamente na vida artística e cultural do país nesse período. Os contemplados foram divididos em cinco categorias que dialogam com programas fundamentais do Itaú Cultural: Aprender – Ana Mae Barbosa e Mestre Meia-Noite; Criar – Lia Rodrigues e Véio; Experimentar – Hermeto Pascoal e Teatro da Vertigem; Inspirar – Eliana Sousa Silva e Niède Guidon; e Mobilizar – Davi Kopenawa e Sueli Carneiro.

Verbete sobre o Teatro da Vertigem na Enciclopédia Itaú Cultural.

Saiba mais sobre o Prêmio Itaú Cultural 30 Anos.

Confira outros vídeos sobre os premiados.

Créditos
Presidente: Milú Villela
Diretor-superintendente: Eduardo Saron
Superintendente administrativo: Sérgio Miyazaki
Gerente do Núcleo de Comunicação e Relacionamento: Ana de Fátima Sousa
Coordenadores do Núcleo de Comunicação e Relacionamento: Carlos Costa e Jader Rosa
Gerente do Núcleo de Audiovisual e Literatura: Claudiney Ferreira
Coordenadora de conteúdo audiovisual: Kety Fernandes Nassar
Produção audiovisual: Paula Bertola
Direção, captação e edição: Bela Baderna (terceirizado)
Roteiro: Paula Stuzan (terceirizada)
Pesquisa: Adriana Yanez e Heverton Lima (terceirizados)
Som direto: Tomás Franco (terceirizado)

Veja também
Highlight large laka boletim

Crítica teatral nas redes | Laka

A produtora cultural Laka conta como é ter um canal no YouTube voltado à crítica de teatro e quais são as possibilidades da plataforma.