Joana Traub Csekö e Pedro Urano/Alice Filmes
Curta-metragem
Rio de Janeiro/RJ

A artista visual Joana Traub Csekö e o cineasta Pedro Urano estavam na fase final de edição do filme HU, sobre o monumental edifício modernista do Hospital Universitário da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), quando foram surpreendidos com a notícia: metade de toda aquela estrutura, exatos 110 mil metros quadrados, estava completamente abandonada, apresentava problemas estruturais e teria de ser demolida.

O processo de implosão não seria simples. Antes, era necessário separar as duas metades. Logo, eles associaram essa divisão ao trabalho do artista americano Gordon Matta-Clark, conhecido por intervenções arquitetônicas como cortes e subtrações feitas em edificações abandonadas.

Surgia ali a ideia de filmar todo o procedimento e transformá-lo em um projeto separado do longa HU. O novo filme, Homenagem a Matta-Clark, é um curta inspirado nos filmes-registro das obras do artista, como Splitting e Conical Intersect. A trilha e o design de som, assinados pelo compositor Aquiles Pantaleão, foram elaborados a partir dos sons captados durante a demolição do prédio.

Saiba mais no Blog Rumos.

Veja também