Como pensar o território urbano e a articulação dos vários elementos que o compõem, como enfrentar os desafios desse contexto – em especial, a vulnerabilidade social? Com essa problemática em vista, o Insper, o Arq. Futuro e o Itaú Cultural realizam o curso de pós-graduação em urbanismo social Gestão Urbana, Políticas Públicas e Sociedade, cujo processo seletivo tem inscrições abertas até o dia 20 de agosto.

Por meio do apoio do Itaú Cultural, serão concedidas bolsas de estudo integrais a estudantes de todo o Brasil, com possibilidade de participação de alunos sem a escolaridade mínima exigida, os quais receberão certificado de conclusão em curso de extensão.

O curso é composto de quatro trilhas, uma por trimestre: Problematização e conceitos em urbanismo social, Contextualização e caracterização dos territórios; Governança do território, articulação e engajamento social e cultural; e Inovação e proposição de mudança. Ao longo do percurso, o aluno é instruído sobre instrumentos de financiamento urbano, métodos de pesquisa quantitativa e qualitativa, comunicação, estruturação institucional, design thinking e avaliação de impacto.

As aulas começam em 26 de outubro e acontecem às quintas e sextas, das 9h às 18h, e aos sábados, das 8h às 17h. Saiba mais e faça sua inscrição no site do Insper.

Brechas Urbanas e Observatório Itaú Cultural

O Itaú Cultural tem se dedicado ao debate sobre questões urbanas, seja com o Brechas Urbanas, ciclo de conversas sobre arte e cidade, ativo entre 2015 e 2019, seja com o Observatório Itaú Cultural, que produz e mapeia pesquisas e iniciativas nas áreas da gestão e das políticas culturais. Aqui no site, você acessa vários conteúdos nesse sentido.

Todas as mesas do Brechas Urbanas podem ser vistas no nosso canal do YouTube – os temas são variados e incluem cidade e tecnologia, os sujeitos sem direito à cidade e o que é desenvolvimento. Mesmo com o fim dos debates presenciais, o Brechas segue produzindo conteúdo: recentemente, foram publicadas esta seleção de materiais para pensar a pandemia e essa entrevista com a geógrafa Marcia Alves.

Já do Observatório destacam-se o Painel de Dados, panorama econômico dos setores cultural e criativo do país – essenciais na vida das cidades –; a Revista Observatório Itaú Cultural, que em sua quinta edição, por exemplo, tratou do tema como a cultura pode mudar a cidade; e outros materiais no acervo deste site, como esta curadoria de materiais sobre o que são e o que transformam os coletivos urbanos.

Pós-graduação em urbanismo social: Gestão Urbana, Políticas Públicas e Sociedade
inscrições abertas até 20 de agosto de 2020
outras informações e ficha de inscrição no site do Insper

Veja também

Os sons que a cidade perdeu

"Jamais pensei que fosse sentir falta do som de cachorros latindo, da bola batendo em uma tabela de basquete, de carros passando com o rádio alto, de trechos de uma conversa fútil ao celular"