Acervos
A pintura possui ao centro duas serpentes de cor laranja com o corpo cheio de pontos pretos com borda vermelha. As duas serpentes formam o mesmo desenho de cada lado: o corpo no formato ondulado, fazendo uma volta no rabo, acima as bocas das serpentes se tocam, abaixo, as pontas das caudas se tocam. O fundo da tela possui várias cores demarcadas por recortes geométricos: acima das cobras sai um triângulo azul-claro, abaixo delas sai um triângulo marrom-escuro. Os tons de fundo são marrom-claro, bege, azul, amarelo e rosa. Em primeiro plano há vários traços grossos pretos que terminam em diferentes formatos de tridente, símbolos de uma entidade sagrada africana chamada Exu.
imagem: Ipeafro

Recortes sobre Abdias Nascimento

O educador Edinho Santos fala sobre o dramaturgo, ator, artista plástico e escritor: "O que Abdias ensinou é uma inspiração para minha vida"
Imagem com fundo rosa, detalhes em laranja na lateral e o nome em preto no centro: Escola Itaú Cultural.
imagem: Itaú Cultural

Escola IC com inscrições abertas para novos cursos

Entreolhares: arte e algoritmo – futuro do passado e mais dois cursos - um de mediação cultural e outro sobre artes cênicas no mundo virtual - estão com inscrições abertas até dia 12 de abril
Um grupo de pessoas indígenas estão reunidos, há pessoas filmando e alguns objetos pelo chão. Imagem do Coletivo Manoki.
imagem: Coletivo Manoki

Economia indígena (?)

Em seu segundo texto para a coluna Oráculo, Naine Terena pontua questões sobre a produção cultural e a economia que gira em torno das comunidades indígenas