Classificação indicativa: Livre

As companhias Alarm Theater de Bielefeld (Alemanha) e Arthur-Arnaldo, o Coletivo de Galochas e Eliana Bolanho, do Grupo As Graças, se reúnem para debater o papel do teatro para jovens em situação de refúgio. A partir de experiências artísticas e pedagógicas, atores e grupos compartilharão vivências de São Paulo e Bielefeld. Com mediação de Soledad Yunge e Tuna Serzedello.

Fronteiras do Teatro: Arte e Pedagogia com Jovens em Situação de Refúgio [com interpretação em Libras]
com Alarm Theater de Bielefeld (Alemanha), Cia. Arthur-Arnaldo, Coletivo de Galochas e Eliana Bolanho (Grupo As Graças)
terça 22 de outubro de 2019
às 20h
[duração aproximada: 75 minutos]
Sala Vermelha (piso 3) 

Entrada gratuita – 70 lugares

[livre para todos os públicos]

distribuição de ingressos
público preferencial: uma hora antes do evento | com direito a um acompanhante – ingressos liberados apenas na presença do preferencial e do acompanhante
público não preferencial: uma hora antes do evento | um ingresso por pessoa

Clique aqui para saber mais sobre a distribuição de ingressos.

Veja também