Classificação indicativa: Livre
 

Durante oito meses, Hugo Linns criou composições novas, estudou formas de integração de tecnologias audiovisuais e consultou amigos de diversas áreas. Desse processo surgiu Eu futuro do pretérito, o primeiro show solo do artista. Entendido como uma experimentação sonora, o projeto traz a gravação orgânica de instrumentos (violas, baixo e sampler) – tocados, por vezes, alternadamente; em outros momentos, sobrepostos em camadas musicais.

Hugo Linns | foto: Flávio Costa

A apresentação tem ainda a ideia do próprio tempo verbal que lhe dá o título: o futuro do pretérito do indicativo. Hugo trabalha com essa noção de incerteza, surpresa e indignação, além do encadeamento de ações, uma sendo consequente da outra. Assim acontece com os sons neste espetáculo: um puxa o próximo, que puxa o próximo e, dessa forma, sucessivamente.

Reserve seu ingresso neste link ou no botão abaixo.

Hugo Linns
sábado 24 de julho de 2021
às 20h
[duração aproximada: 60 minutos]
on-line – plataforma Zoom
Palco virtual – 270 ingressos 

[livre para todos os públicos]

Atividade gratuita

Reserve seu ingresso [a partir do dia 7 de julho, às 12h, até esgotar)]

Deseja receber informações sobre a programação e outros conteúdos do Itaú Cultural? Clique aqui para assinar a nossa newsletter.

Veja também

DJ Bola – Toca Brasil

O produtor musical Marcelo Rocha, o DJ Bola, fala da sua trajetória e de suas influências no novo episódio do Toca Brasil