O Clube do Balanço, um dos grandes representantes do samba rock, sobe ao palco do Auditório Ibirapuera com o show Menina da Janela, homônimo ao mais recente disco de sua carreira. Durante a apresentação, o grupo paulista – formado por Marco Mattoli (guitarra e voz), Edu Salmaso (bateria), Fred Prince (percussão), Gringo Pirrongelli (baixo), Marcelo Maita (teclado), Reginaldo 16 (trompete), Tereza Gama (voz) e Tiquinho (trombone) – mostra composições dos seus quatro álbuns, além de algumas surpresas.

Na ocasião do espetáculo, será lançado ainda o videoclipe da música “Dolores Gabriela, uma Homenagem ao Futebol de Várzea”, que faz parte do disco Menina da Janela. Com direção de Josi Zacarelli e Rafael Botas, o vídeo, gravado no início do ano, foi ambientado no campo do Cruz da Esperança – um dos mais antigos campos de várzea remanescentes da região da Casa Verde, zona norte de São Paulo – e conta a história de Dolores Gabriela, filha de um jogador de futebol que larga a carreira profissional no esporte para ser pai.

“Nós estamos levando um pouco da história do videoclipe para o show”, fala Marco Mattoli. “O Cruz da Esperança é um tradicional reduto da cultura negra na região da Casa Verde. É um grande espaço, que atualmente pertence à Aeronáutica, onde foram feitos cinco campos de futebol de várzea na década de 1950. Ali, desde essa época, as pessoas fazem rodas de samba, bailes e festas em seu barracão”, explica. “Nós tínhamos essa música que fala sobre futebol de várzea e quando resolvemos fazer o videoclipe todos da banda concordaram em gravar no Cruz. O clipe acabou misturando as histórias do lugar, da música, do grupo e trazendo outras realidades à tona.”

É ainda na sede do Cruz da Esperança que o Clube do Balanço realiza, há cerca de dois anos, sempre no segundo domingo do mês, a Roda de Balanço, projeto cultural dedicado ao samba rock. Os músicos se uniram ao coletivo Samba Rock na Veia, em 2016, para montar o projeto, que busca contribuir com a arte, a cultura e o lazer na região da Casa Verde. A ideia surgiu depois que os integrantes do Clube receberam um convite para se apresentar no local.

“Há dois anos o pessoal do Cruz da Esperança nos procurou, já que queriam fazer um show conosco. Quando cheguei lá e vi aquele barracão cercado de verde, no meio da cidade, com um campo de futebol na frente, disse que não queria fazer um show ali, mas um projeto cultural”, conta Marco Mattoli. “Queria fazer com a roda de samba rock a mesma coisa que acontece com as rodas fixas de samba da cidade, como o Pagode da 27 e o Samba da Laje [respectivamente, no Grajaú e na Vila Santa Catarina, onde os músicos da comunidade se reúnem para reverenciar o samba]. A ideia da Roda de Balanço pegou e o projeto se tornou muito significativo para a comunidade, o bairro e o Cruz da Esperança. A nossa roda passou a ser frequentada tanto pelos moradores da região quanto por um público que não estava acostumado a vir para o lado de cá do rio [Tietê] e passou a conhecer este reduto da cultura negra de São Paulo.”

Clube do Balanço
sábado 7 de abril de 2018 [com interpretação em Libras]
às 21h
[duração aproximada: 90 minutos]

ingressos: R$ 30 e R$ 15 (meia-entrada)

[livre para todos os públicos]

Os ingressos podem ser adquiridos pelo site Ingresso Rápido, em seus pontos de venda e pelo telefone 11 4003 1212. Também estão à venda na bilheteria do Auditório Ibirapuera, nos seguintes horários:
sexta e sábado das 13h às 22h
domingo das 13h às 20h

 

Veja também

Supla

Show de lançamento do álbum Illegal
onde: Auditório Ibirapuera