O instrumentista, regente, compositor e arranjador José Roberto Branco, mais conhecido como Maestro Branco, fala sobre a primeira vez que ouviu o som do trompete, a influência da música europeia em seus estudos e sua experiência em orquestras. Atualmente ele é compositor e arranjador residente da Escola do Auditório, e Ensaiador da Orquestra Brasileira do Auditório (OBA).

Entrevista realizada para a série +70 do Álbum Itaú Cultural, site de música do Instituto Itaú Cultural, em setembro de 2014, no Auditório Ibirapuera, em São Paulo/SP.

Créditos:
Gerente do Núcleo de Audiovisual e Literatura: Claudiney Ferreira
Coordenadora de Conteúdo Audiovisual: Kety Fernandes
Produção Audiovisual: Roberta Roque
Entrevista: Itamar Dantas
Vídeo: Gasolina Filmes

Confira todas as matérias feitas para a série +70 do Álbum Itaú Cultural.

Veja também
Highlight large samba rock

Samba rock | Patrimônio cultural

O músico e compositor Marco Mattoli, integrante do grupo Clube do Balanço, conta como foi o processo para o samba rock se tornar...