Depois de Os Fuzis (1965), de Ruy Guerra, a atriz participou ativamente das produções da Belair, nas quais se destacou pela performance em Sem Essa, Aranha (1970). | Depoimento extraído de Elogio da Luz (2003), feito para o Canal Brasil.

Criado para fomentar o diálogo da nova geração de artistas com os criadores que os influenciaram, o projeto Ocupação integra uma das políticas permanentes do Instituto, que é a preservação da memória artística.

Visite o site do programa