Grupo Esparrama
Teatro
São Paulo/SP

Como forma de reafirmar o movimento de transformação do Elevado Costa e Silva, o Minhocão, em São Paulo, em um local permanente de arte e cultura na capital paulista, o Grupo Esparrama promove uma série de intervenções artísticas no local.

Em 2013, a companhia iniciou apresentações teatrais no espaço, utilizando a janela de um dos edifícios como palco da ação. Esparrama pela Janela trouxe uma série de números cômicos e fantásticos, que vão desde a moradora que pensa que é uma princesa e o prédio seu castelo até o seresteiro gigante e a família de monstros.

Para ampliar e dar continuidade a essa proposta, surgiu o Projeto Janelas do Minhocão, que promoveu mais uma temporada do espetáculo, além de se desdobrar em duas outras iniciativas. A primeira foi convidar seis artistas de diferentes linguagens para também ocupar o elevado. A ação teve a participação de Raul Zito (artes plásticas), Ronaldo Aguiar (circo), Zumb.boys (dança), Sissy Eiko (fotografia), Ester Freire (música) e Cia. Noz de Teatro, Dança e Animação (teatro de animação e de bonecos).

Por meio dessas trocas, chegou-se ao espetáculo Minhoca na Cabeça, em que o grupo reflete sobre os medos que a cidade moderna gera em seus moradores, afastando-os cada vez mais do convívio social e da construção de um lugar melhor onde viver. Saiba mais sobre a iniciativa no YouTube.

Saiba mais no Blog Rumos.