O poeta Manoel de Barros (1916-2014) é tema da 43ª edição do programa Ocupação Itaú Cultural. Com manuscritos e outros materiais selecionados do acervo pessoal do homenageado, a exposição passeia por toda a trajetória do autor – que brincava com a norma-padrão da língua e monumentava as coisas e seres (o humano, inclusive) desprezados por uma sociedade focada na velocidade, no consumo, no descarte. “O que é bom para o lixo é bom para a poesia”, escreveu ele em “Matéria de Poesia” (1970).

Além da mostra, o programa deu origem a uma publicação impressa, distribuída gratuitamente na recepção do instituto (veja versão digital abaixo), e a uma série de conteúdos on-line, como entrevistas em vídeo com parentes e colegas de Manoel – confira, a partir do dia de abertura da exposição, em itaucultural.org.br/ocupacao.


Ocupação Manoel de Barros

abertura

com leitura de poemas por Marcelino Freire e Marlui Miranda
quarta 13 de fevereiro de 2019
às 20h

visitação
até domingo 7 de abril de 2019
terça a sexta 9h às 20h [permanência até as 20h30]
sábado, domingo e feriado 11h às 20h
piso térreo

Entrada gratuita

 

[livre para todos os públicos]

Veja também