A arte e a cultura têm o poder de deslocar a relação centro-periferia – multiplicando os centros, criando novas zonas de contato com a cidade. O Brechas Urbanas de setembro discute plataformas e ações que atuam nesse sentido: projetos que revitalizam regiões, atraem atenção para os artistas locais e criam ambientes mais democráticos.

Com mediação da jornalista Natália Garcia, Alemberg Quindins, criador da Fundação Casa Grande - Memorial do Homem Kariri, e Monique Evelle, reconhecida pela Forbes como "30 under 30", participam do debate.

Músico de formação popular e historiador autodidata, Quindins conta como a pequena cidade de Nova Olinda (CE), de quinze mil habitantes, se tornou um dos destinos do turismo sociocultural mais bem sucedidos do mundo.

Já Monique, idealizadora de diferentes negócios nas áreas de comunicação, educação e empreendedorismo sustentável, compartilha suas experiências, que envolvem pesquisas sobre inovações políticas nas periferias, tema da série Política: Modo de Fazer, da GloboNews, e a curadoria dos maiores festivais de criatividade do país.


Brechas Urbanas – A arte transformando cidades [com interpretação em Libras]
quarta 26 de setembro de 2018
às 20h 
Sala Multiúso (piso 2) 100 lugares
[livre para todos os públicos]

[duração aproximada: 90 minutos]

distribuição de ingressos
público preferencial:
 uma hora antes do evento, com direito a um acompanhante – ingressos liberados apenas na presença do preferencial e do acompanhante | público não preferencial: uma hora antes do evento, um ingresso por pessoa

Veja também