Eu empinava papagaio num largo muito bonito, que tinha ipês no mês de julho, amarelos e cor de vinho. Um dia, o papagaio voltou molhado, ficou no quintal. No dia seguinte, o Sol o partiu. Fui empinar e aí me veio uma coisa de que eu tinha que sair de Araraquara [SP] e então consegui escrever, em minutos, uma peça chamada "Vento Forte Pra Papagaio Subir".

Criado para fomentar o diálogo da nova geração de artistas com os criadores que os influenciaram, o projeto Ocupação integra uma das políticas permanentes do Instituto, que é a preservação da memória artística.

Visite o site do programa