Coro, cenas, depoimentos e solos de dança compõem o ato-espetáculo-musical produzido a partir de três textos de Plínio Marcos: Inútil Canto e Inútil Pranto pelos Anjos Caídos (1977), que narra uma rebelião ocorrida em Osasco nos anos 1970, e Barrela (1958) e A Macha Roxa (1988), que tratam de situações dos cárceres masculino e feminino, respectivamente.

>>> Leia entrevista com Rogério Tarifa, diretor do espetáculo.

No espetáculo, todo o texto de Inútil Canto e Inútil Pranto pelos Anjos Caídos foi musicado em um trabalho que Tarifa fez em conjunto com William Guedes e Jonathan Silva, e diluído em uma dramaturgia que aborda os problemas de nosso sistema carcerário, questiona a conivência da sociedade com essa situação e se aprofunda na história de nosso país e seus 400 anos de escravidão.

Para saber mais sobre a peça, leia entrevista com Rogério Tarifa sobre seu processo de criação.

Inútil Canto e Inútil Pranto pelos Anjos Caídos
sexta 23 e sábado 24 | às 20h
domingo 25 | às 19h
[duração aproximada: 140 minutos]
Sala Itaú Cultural (piso térreo) – 224 lugares

Entrada gratuita

distribuição de ingressos
público preferencial: duas horas antes do espetáculo | com direito a um acompanhante – ingressos liberados apenas na presença do preferencial e do acompanhante
público não preferencial: uma hora antes do espetáculo | um ingresso por pessoa

[classificação indicativa: 14 anos]

Clique aqui para saber mais sobre a distribuição de ingressos.

 

ficha técnica

Texto original Plínio Marcos

Dramaturgia Jonathan Silva, Raquel Parras, Rogério Tarifa e elenco

Direção Rogério Tarifa

Direção musical e preparação vocal William Guedes

Composição geral Jonathan Silva

Música “Nascedouro” de Raquel Parras

Música “Samba Contra a Redução da Maioridade Penal” de Mumu de Oliveira Ley

Cantora convidada Ndu Siba

Músicos Evandro Cavalcante, Giorgio Arthur Passerino, Jonathan Silva, Rafael Heffer Cavaletti, Victor Mendes, William Guedes e Yuri Carvalho

Direção de movimento Marilda Alface

Parceria poética Isabel Setti

Desenho de luz Rafael Souza Lopes

Operação de luz Nara Zocher e Vinícius Bogas

Cenotécnica Zito Rodrigues e Nilton Ruiz Dias

Direção de arte Andreas Guimarães, Mirella Façanha e Rogério Tarifa

Figurino Andreas Guimarães, Mirella Façanha, Rogério Tarifa e elenco

Orientação de figurino Silvana Carvalho

Exposição fotográfica Sérgio Silva.

Fotos Sérgio Silva

Projeto gráfico Walmick Campos

Ilustrações Mirella Façanha

Elenco Alessandro Marba, André Cézar Mendes, Binho Cidral, Camila Cohen, Danilo Martins, Darília Lilbé, Evandro Cavalcante, Fernanda Brandão, Hélio Toste, Inayara Iná Samuel, Julio Silvério, Lilian Regina, Luiz Felipe Bianchini, Luiza Romão, Maria Eduarda Machado, Mirella Façanha, Raquel Parras, Romário Oliveira e Walmick Campos

Veja também