Ocupação

28 DE AGOSTO DE 2021
31 DE OUTUBRO DE 2021
SÃO PAULO

Esta Ocupação nasce para homenagear uma vida e um pensamento. Aos 71 anos, completados em junho de 2021, Sueli Carneiro é uma das intelectuais negras mais atuantes e referenciais em atividade no país. Da menina nascida no bairro da Lapa, zona oeste da capital paulista, à doutora em educação pela Universidade de São Paulo (USP) e um dos nomes que abriram os caminhos do feminismo negro brasileiro. A trajetória de Sueli é imensa – e uma pequena parte dela é celebrada aqui.

Celebrada e recontada: eis uma biografia marcada pelo ativismo e pelo desenvolvimento de um pensamento filosófico e acadêmico. A Sueli que, ao entrar na USP, contava com pouquíssimos de seus pares negros, hoje fala de ações afirmativas, como as cotas raciais (que sua geração foi determinante na formulação, vale dizer), reconhecendo a mudança que houve nas universidades nacionais, mas ciente de que ainda é pouco. Sueli tem o olhar atento de quem sabe que essa luta, no caso do Brasil, precisa ser permanente. Porque há muito a ser feito.

De uma família unida, conectada, presente, formadora e movedora, a pensadora Sueli é ainda uma entusiasta do fazer coletivo e, nesta Ocupação, ela não está sozinha. Os que vieram antes seguem junto com a homenageada, quem veio depois também está presente e saúda o privilégio de ser contemporâneo de Sueli Carneiro.

O Itaú Cultural (IC) sente-se honrado de celebrar a mulher, a pensadora, a articuladora de ideias e pessoas que é Sueli Carneiro. Não há dúvidas de que seus artigos, suas percepções, seu ativismo e sua rede de afetos influenciaram e influenciam movimentos negros e também apontam para caminhos para quem quer construir um Brasil verdadeiramente antirracista. Sueli é gigante e homenageá-la é absolutamente necessário. Hoje e sempre. Que mais gerações acessem e se aproximem do legado de Sueli Carneiro.

Esta é a 52ª exposição da série Ocupação, programa permanente do IC que pretende estimular diálogos entre gerações de criadores e intelectuais brasileiros. 

Itaú Cultural

Conheça os nossos protocolos de segurança

Ocupação Sueli Carneiro – Teaser em Libras

O educador Edinho Santos fala sobre a Ocupação Sueli Carneiro. Nascida no bairro da Lapa, Zona Oeste da capital paulista, Sueli é uma das intelectuais negras mais atuantes em atividade no país, dona de uma trajetória e de um legado que devem ser celebrados. A curadoria da mostra é do Núcleo de Comunicação e Relacionamento e da Enciclopédia Itaú Cultural, tendo como cocuradora Bianca Santana, autora da biografia “Continuo preta: a vida de Sueli Carneiro” (2021). Baba Diba de Iyemonja assina a consultoria religiosa e Isabel Xavier, com assistência de Danilo Arantes, criou o projeto expográfico.

Ficha técnica

OCUPAÇÃO SUELI CARNEIRO

Concepção e realização Itaú Cultural
Curadoria Equipe Itaú Cultural
Cocuradoria Bianca Santana
Consultoria religiosa Baba Diba de Iyemonja
Projeto expográfico Isabel Xavier (terceirizada) com assistência de Danilo Arantes

ITAÚ CULTURAL
Presidente Alfredo Setubal
Diretor Eduardo Saron

NÚCLEO DE AUDIOVISUAL E LITERATURA
Gerência Claudiney Ferreira
Coordenação Kety Fernandes Nassar
Produção audiovisual Roberta Roque
Edição Karina Fogaça
Captação de imagens remotas VOCS (terceirizada)

NÚCLEO DE COMUNICAÇÃO E RELACIONAMENTO
Gerência Ana de Fátima Sousa
Coordenação Carlos Costa e Gabriela Magagnin
Edição e produção de conteúdo Fernanda Castello Branco, Heloísa Iaconis e Isabella Candido (estagiária)
Edição do site Fernanda Castello Branco, Heloísa Iaconis e Isabella Candido (estagiária)
Supervisão de revisão Polyana Lima
Revisão de texto Karina Hambra e Rachel Reis (terceirizadas)
Identidade e comunicação visual Arthur Gomes Costa e Yoshiharu Arakaki
Produção editorial Bruna Guerreiro e Matheus Moraes Torres (estagiário)
Pesquisa e produção-executiva Pamela Rocha Camargo
Redes sociais Jullyanna Salles e Renato Corch
Eventos e relações institucionais Maria Beatriz Cardoso e Simoni Barbiellini
Edição de fotografia André Seiti

NÚCLEO DE EDUCAÇÃO E RELACIONAMENTO
Gerência Valéria Toloi
Coordenação de atendimento Tayná Menezes
Equipe Amanda Freitas, Caroline Faro, Matheus Paz, Natasha Bernardo Marcondes, Victor Soriano e Vinícius Magnun
Coordenação de formação Samara Ferreira
Equipe Alessandra Silva Constantini (estagiária), Edinho dos Santos, Edson Bismark, Elissa Sanitá, Joelson Oliveira, Lucas Batista, Mayra Reis Rocha, Mônica Abreu Silva, Silas Barbosa da Silva (estagiário), Tonne de Andrade, Victória de Oliveira, Vítor Luz e Vitor Narumi

NÚCLEO DE ENCICLOPÉDIA
Gerência Tânia Rodrigues
Coordenação Glaucy Tudda
Pesquisa e produção-executiva Icaro Mello e Karine Arruda

NÚCLEO DE INFRAESTRUTURA E PRODUÇÃO
Gerência Gilberto Labor
Coordenação Vinícius Ramos
Produção Carlos Eduardo Ferreira Silva, Érica Pedrosa, Fabio Marotta, Priscila Tavares e Wanderley Bispo.

JURÍDICO
Gerência Anna Paula Montini
Coordenação Daniel Lourenço
Consultor jurídico Matheus Paz

AGRADECIMENTOS
Alex Ratts, Cidinha da Silva, Douglas Belchior, Edson Cardoso, Gabriela Gaia, Luanda Carneiro Jacoel, Maurice Jacoel, Rafael Pinto, Solimar Carneiro, Suelaine Carneiro, Acervo Ibase, Acervo Cultne, Agência O Globo, Estadão Conteúdo, Sesc São Paulo, Editora Todavia, TV Justiça, Caio Chagas, Day Rodrigues, Danilo de Paulo, Natália Carneiro, Memória e Movimentos Sociais, Companhia das Letras, Folhapress, Conselho Nacional de Direitos da Mulher, Irohin – Centro de Documentação e Memória Afro-Brasileira, Correio braziliense, Everton Ballardin, revista Cult, Museu Afro Brasil, Fundação Carlos Chagas, Ipeafro, Claudia Ferreira, Vanda Menezes, Arquivo Nacional/Fundo: Serviço Nacional de Informações, Acervo Deops, Biblioteca Digital do Senado Federal, Marcus Steinmeyer, Geledés – Instituto da Mulher Negra, Tribunal da Justiça de São Paulo, Grupo Editorial Summus, Caderno CRH, revista Estudos avançados – IEA/USP, Folha de S.Paulo, Azul Filho de Luiz

O Itaú Cultural realizou todos os esforços para encontrar os detentores dos direitos autorais incidentes sobre as imagens/obras aqui expostas e publicadas, além das pessoas fotografadas. Caso alguém se reconheça ou identifique algum registro de sua autoria, solicitamos o contato pelo e-mail atendimento@itaucultural.org.br.

O Itaú Cultural (IC), em 2019, passou a integrar a Fundação Itaú para Educação e Cultura com o objetivo de garantir ainda mais perenidade e o legado de suas ações no mundo da cultura, ampliando e fortalecendo seu propósito de inspirar o poder criativo para a transformação das pessoas.

Compartilhe