Ocupação

20 DE ABRIL DE 2022
11 DE JULHO DE 2022
SÃO PAULO

Muito se engana quem pensa que a tradição não é algo vivo. Pelo contrário: o que vem lá de trás pode mesmo se renovar – sem, contudo, perder-se. Lia de Itamaracá sabe bem disso: honrando a sabedoria ancestral, a artista também se atenta para o agora, corajosa e ousada a um só tempo. E é essa força da tradição que vive no hoje, essa força que Lia encarna, que o programa Ocupação Itaú Cultural homenageia em sua 55ª edição.

Nascida Maria Madalena Correia do Nascimento, no ano de 1944, Lia escolhe levar sua terra natal no nome: Itamaracá. À ilha, localizada no litoral norte de Pernambuco, a cantora faz-se fiel. Desse primeiro palco, ela incorpora o sal, o som e o sol, elementos transmitidos por sua voz. Voz profunda, delineadora de uma poética e de um repertório que falam da existência de forma ampla – amores, trabalho, comemorações. Quanto de nós não cabe nas ondas de Lia?

Ondas que são canto e dança. São ciranda praieira, gênero do qual a homenageada é mestra. Nas camadas de sua criação, há ainda o diálogo com outras linguagens: das artes visuais ao cinema, da moda à gastronomia. Mulher sincrética, encantada, dama elegante que une legado e presente, sonho e realização, Brasil e Brasis.

A Ocupação Lia de Itamaracá representa um convite para, a exemplo da ciranda, dar as mãos, chegar perto da obra e da história de uma artista que, como sua música, não tem fim. Fotos, figurinos, documentos e vídeos compõem a mostra, estendida para o universo on-line por meio do site itaucultural.org.br/ocupacao. O projeto, que já celebrou as composições de Cartola, Alceu Valença e Chiquinha Gonzaga, por exemplo, festeja Lia de Itamaracá. Festejemos Lia.

Itaú Cultural


Ficha técnica

OCUPAÇÃO LIA DE ITAMARACÁ

Concepção e realização Itaú Cultural
Curadoria Equipe Itaú Cultural
Cocuradoria Alessandra Leão e Michelle de Assumpção
Produção Lili Nascimento e Ytallo Barreto
Projeto expográfico Juliana Godoy (com assistência de Gabriela Franco)

Concepção e luthieria dos instrumentos digitais João Tragtenberg
Ganzá, surdo e tarol Ganga Barreto
Trompete Jorge Barbosa Rabelo Neto
Gravação e mixagem Johann Brehmer
Compositores das músicas tocadas pelo trompete “Quem me deu foi Lia”, de Baracho; “Minha ciranda”, de Capiba; “Ciranda do amor”, de João da Guabiraba e Edson Vieira; “Meu São Jorge”, de Ganga Barreto e Severina Baracho da Silva

ITAÚ CULTURAL
Presidente Alfredo Setubal
Diretor Eduardo Saron

NÚCLEO DE ACERVO DE OBRAS DE ARTE
Gerência Fulvia Sannuto
Coordenação Edson Martins
Pesquisa Angélica Pompilio

NÚCLEO DE AUDIOVISUAL E LITERATURA
Gerência Claudiney Ferreira
Coordenação Kety Fernandes Nassar
Produção audiovisual Letícia Santos
Captação de imagens Richner Allan, WT1 (terceirizada) e Ytallo Barreto (terceirizado)
Captação de áudio Raquel Vieira (terceirizada)
Edição Richner Allan
Interpretação em Libras FFomin Acessibilidade e Libras (terceirizada)
Transcrição Paula Lousada (terceirizada)
Vinheta João Zanetti (terceirizado)

NÚCLEO DE COMUNICAÇÃO E RELACIONAMENTO
Gerência Ana de Fátima Sousa
Coordenação Carlos Costa e Renato Corch
Edição e produção de conteúdo Amanda Rigamonti, Duanne Ribeiro, Fernanda Castello Branco, Heloísa Iaconis e Milena Buarque
Edição do site Duanne Ribeiro, Fernanda Castello Branco e Heloísa Iaconis
Supervisão de revisão Polyana Lima
Revisão de texto Karina Hambra e Rachel Reis (terceirizadas)
Identidade e comunicação visual Arthur Gomes Costa e Letícia Oliveira Perjan (estagiária)
Produção editorial Luciana Araripe
Pesquisa e produção-executiva Amanda Rigamonti, Milena Buarque e Pamela Rocha Camargo
Redes sociais Jullyanna Salles e Victória Pimentel
Captação de imagens e edição de fotografia André Seiti
Edição de fotografia Matheus Castro (estagiário)

CONSULTORIA JURÍDICA
Gerência Anna Paula Montini
Coordenação Daniel Lourenço
Consultor jurídico Ana Carolina Marossi Batista e Luciana Helena Gonçalves

NÚCLEO DE EDUCAÇÃO E RELACIONAMENTO
Gerência Valéria Toloi
Coordenação de atendimento Tayná Menezes
Equipe Amanda Freitas, Domenica Antonio, Matheus Paz, Natasha Bernardo Marcondes, Victor Soriano e Vinícius Magnun
Coordenação de formação Samara Ferreira
Equipe Alessandra Silva Constantini (estagiária), Edinho dos Santos, Edson Bismark, Elissa Sanitá, Joelson Oliveira, Lucas Batista, Mayra Reis Rocha, Mônica Abreu Silva, Silas Barbosa Silva (estagiário), Tonne de Andrade, Victória de Oliveira, Vítor Luz e Vitor Narumi

NÚCLEO DE INFRAESTRUTURA E PRODUÇÃO
Gerência Gilberto Labor
Coordenação Vinícius Ramos
Produção Carlos Eduardo Ferreira, Fábio Marotta, Priscila Tavares e Wanderley Bispo

NÚCLEO DE MÚSICA
Gerência Edson Natale
Coordenação Andréia Schinasi
Pesquisa e produção-executiva Nadiele Sobral

NÚCLEO DE MEMÓRIA E PESQUISA
Gerência Tatiana Prado
Coordenação Luciana Soares
Digitalização Laerte Matias Fernandes

AGRADECIMENTOS

Centro Cultural Estrela de Lia, Beto Hees, Jornal do Commercio, Ytallo Barreto, Tatiana Altberg, Leo Caldas, Rogério Reis, D.A Press, Fernando Borges, Catarina Dee Jah, Centro de Cultura Luiz Freire/TV Viva, Karen Akerman/Cineclube pela Madrugada, J Borges, Luan Cardoso, Alexandre Gondim, Jaqueline da Paz, Regina Delpapa, José de Holanda, Renato Filho, Agência Estado, Beth Beli, Raul Zito, Dulce e Severina Baracho, Toinho Januário, Sol Esoje, Sara Cavalcante, Jane Travassos, Roger de Renor, Vinicius Murilo de Souza, Dona Duda (in memoriam) e Tyba. 

O Itaú Cultural realizou todos os esforços para encontrar os detentores dos direitos autorais incidentes sobre as imagens/obras aqui expostas e publicadas, além das pessoas fotografadas. Caso alguém se reconheça ou identifique algum registro de sua autoria, solicitamos o contato pelo e-mail atendimento@itaucultural.org.br.

O Itaú Cultural integra a Fundação Itaú para Educação e Cultura. Saiba mais em fundacaoitau.org.br.